domingo, 13 de julho de 2014

3 Dias para Remover o Véu de Hostilidade para Criatividade e Ordem trabalharem em Harmonia!

"HESITAR ENTRE DUAS OPINIÕES". A palavra hebraica para hesitar significa coxear, mas pode também significar saltar. É a palavra pesach, a mesma usada para Páscoa. Estamos em um tempo decisivo de nossas vidas, da história da nossa nação, e da reorganização de muitas coisas em nossas esferas espirituais ao redor do mundo. O perigo que encaramos em meio a mudanças é ficarmos hesitando, pegos entre duas opiniões ou indecisos acerca de uma questão. Isso é geralmente resultado de uma emoção antiga, ferida ou raciocínio que ainda não submetemos ao Espírito Santo. Isso faz com que nossa mente esteja hostil para mudanças e para abraçar nosso futuro completamente e sem reservas. Ou coxeamos ou saltamos! Temos que sair de uma dimensão de cativeiro neste ano, e "passarmos por cima" (o significado de pesach – a Páscoa) rumo à liberdade para garantir nosso futuro. Vamos SALTAR em direção à LIBERDADE.
Este foco de oração é para lhe ajudar a entender sua mente e como ela resiste a mudanças. A obediência do Senhor em fazer de Sua face como um seixo (rocha - Is 50:7) removeu o véu de hostilidade entre Deus e a mente. Essa vitória nos deu a habilidade de entrar, na prática, na liberdade e na plenitude de Seu poder criativo operando em nossas vidas. Na Palavra de Deus, sua mente é sinônimo de seu coração e também de seu espírito (humano). Portanto, a mente é mais do que apenas a informação que temos em nosso cérebro. Sua mente é composta de seu sistema de crença, de suas ações (o quanto são puras), e de memórias emocionais profundas que resultaram de suas decisões (certas ou erradas) e de outras decisões em relação a você. O seu ambiente afeta a forma de você pensar. Isso tem conseqüências por gerações. Seu cérebro é o processador de informação que está ligado ao seu sistema nervoso, que categoriza toda informação que entra em sua vida. "Os puros de coração verão a Deus". Portanto, é importante para nós entrarmos em um novo lugar de comunhão com Deus e ganharmos nova visão de Seu caráter e do porquê de ter estado no mundo. Vamos pedir ao Senhor para refazer nossos corações, mentes e até mesmo transformar nossos cérebros para que SALTEMOS em direção a essa próxima temporada.
Davi estabeleceu o modelo dos céus e posicionou a Arca da Aliança. Isso ficou conhecido como o Tabernáculo de Davi. Em Amós 9, está profetizado que o Tabernáculo de Davi será restaurado nas gerações vindouras. Esta profecia é repetida em Atos 15 e, então, expandida no livro de Apocalipse. O interessante é que, quando Davi estabeleceu seu Tabernáculo, ele não pôs um véu entre a Arca e o povo de Deus, como tinha sido feito no Tabernáculo de Moisés. No Tabernáculo de Davi, eles adoravam livremente. O Tabernáculo era um lugar de louvor, adoração, oração, para se ganhar estratégia profética e revelações para vitória na guerra. Davi viu no mundo celestial, recebeu o modelo de Deus para o futuro e replicou o padrão dos Céus no mundo físico.
Uma intercessora viu (no Espírito), durante a explanação da palavra acima, uma repartição (como uma parede) em seu cérebro desde a parte da frente até a parte de trás. É como quando abrimos o vidro da janela de um carro. Essa repartição em seu cérebro simplesmente caiu (baixou). Ela, então, instantaneamente sentiu seu cérebro mudar e seu coração se regozijar. Enquanto dizia isso, ela entendeu que foi uma parede de hostilidade em sua mente que tinha feito com que a criatividade (o lado direito do cérebro) e a ordem (operações lineares localizadas predominantemente no lado esquerdo do cérebro) ficassem hostis e competissem entre si.
O Corpo Caloso (massa de fibras nervosas que servem para conectar e capacitar a comunicação entre os dois hemisférios do cérebro) conecta ou divide as esferas direita e esquerda de nosso cérebro. Ele faz com que o cérebro se comunique propriamente de um lado para outro. Se o Corpo Caloso é afetado ou não funciona corretamente, você poderá ter uma síndrome de "transtorno dissociativo do cérebro". O lado esquerdo do cérebro trabalha com análise sequencial e interpretação lógica. Este lado usa linguagem simbólica e interpreta os símbolos para produzir ordem. Idioma, matemática e razão são funções predominantes do lado esquerdo do cérebro. A memória é armazenada em formato de linguagem. Se suas memórias forem cheias de feridas emocionais, isso impedirá o surgir de uma nova ordem.
Se você já experimentou falha em alguma área e não reconciliou essa perda, a criatividade no hemisfério direito não será expressada adequadamente para que nova ordem seja estabelecida. O hemisfério direito opera holisticamente para ganhar visão e formar uma figura geral do ambiente ao nosso redor. Habilidades visuais/espaciais operam no lado direito. Espiritualmente, um vidente ou profeta usa este lado para "ver" o que Deus está vendo. Então aquele que interpreta usará o lado esquerdo do cérebro para ajudar no entendimento do que está sendo comunicado espacialmente. Se você passar por um trauma em sua vida, recusar o perdão e crescer amargo no espírito (na região do seu coração), o seu coração então endurecerá e as partes do seu cérebro não se comunicarão de forma eficiente. Suas emoções tornar-se-ão fragmentadas.
O lado esquerdo do cérebro cria redes, limitações e níveis de entendimento. Amós 9 fala sobre níveis (degraus). Odres se formam quando a estrutura é posicionada e a ordem é administrada. Entretanto, quando um odre recusa nova revelação e criatividade, começa então um "processo delicado" de endurecimento e de tornar-se velho. Sendo assim, enquanto o lado direito do cérebro tenta derramar revelação criativa sobre o lado esquerdo, a ordem do lado esquerdo resiste ao novo e torna-se estagnada, constipada ou travada. Para sermos o "povo peculiar de Deus" nesta era e geração, temos que juntar toda nova revelação criativa e então formar a ordem para o futuro.
Aquela intercessora é uma pessoa muito criativa. Mas gosta de ter as coisas sempre bem embasadas num raciocínio lógico e em perfeita ordem antes de entrar no espírito e entregar o que o Senhor está lhe mostrando. Apesar de sempre ter obedecido ao Senhor e mover-se em adoração espontânea para liberar o "novo cântico" do Senhor, ela podia sentir a resistência dentro de si conforme dava passos de fé.
Ela disse que, quando esta barreira foi quebrada, era como se as forças de sua mente que estavam competindo entre si tivessem se reconciliado imediatamente. Isso permitiu que ela começasse a processar revelação e informação de forma completamente diferente. Ela disse: "Tudo tornou-se claro!". Ela contou que foi como se as duas porções de seu cérebro não estivessem mais em guerra, mas em harmonia e sincronismo. Ela disse que uma película ou nuvem levantou-se e a resistência desapareceu para que a ordem estivesse no lugar certo antes dela receber criatividade. A parede entre os hemisférios direito e esquerdo de seu cérebro teve que ser penetrada. Criatividade tem que aceitar limites para que a natureza expressa de Deus em nós possa ser vista completamente. A verdade e a criatividade entraram em um novo contexto de harmonia. Era sobre isso que o Senhor estava falando à mulher junto ao poço. Ele disse a ela que haveria um tempo em que adoraríamos em Espírito e em Verdade. Estamos nesse tempo!
OS DOIS LADOS DE NOSSO CÉREBRO DEVEM TRABALHAR ADEQUADAMENTE. Sim, você geralmente possui um hemisfério dominante, mas os dois lados devem associar ordem e criatividade eficientemente. A vontade perfeita de Deus é para que nossa mente seja ÚNICA e esteja Nele. Isso é unidade e libera a unção.

Nestes próximos três dias, peça ao Senhor para remover trauma, hostilidade e inimizade de toda revelação que o Senhor tentou liberar para você. Quebre os medos que estão impedindo a nova criatividade de ser expressada. Adore de novas maneiras. Você sentirá um intenso desejo de adorar. Você sentirá a nova forma que o Espírito Santo está pedindo a você para se expressar. Você verá como tem sido hostil a novas idéias e novas formas de adoração. Os próximos três dias deste foco de oração nos ajudarão com o conceito de Despertar!